quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Quem canta seus males espanta

Continuamos na senda dos provérbios e desta vez foi o provérbio "Quem canta seus males espanta" que deu título à história criada oralmente pela turma do 1.º/2.ºano.

   Era uma vez uma velhinha que não tinha dinheiro. Ela era pobre.
   A senhora chamada Evangelista tinha fome, então foi à casa de um senhor e pediu-lhe dinheiro. O homem não lhe emprestou o dinheiro e ela ficou triste.
   A velhinha começou a cantar uma canção de amor e ficou mais feliz. Nesse momento, passou um senhor rico na rua e apaixonou-se pela velhinha.
   Casaram e viveram felizes para sempre.

Sem comentários:

Festa de final de ano letivo 2016/2017

Os alunos dos três edifícios da EB123/PE Prof. Francisco Barreto apresentaram a toda a comunidade educativa dramatizações ensaiadas na Bibl...